Iserj: Lixo e abandono

Vamos para o recesso em meio a sujeira. Com a redução de funcionários, e os salários dos que sobraram super atrasados, o Iserj é só imundice. Lixeiras cheias, piscina verde-mosquito, chafariz podre-chama-dengue, chão sujo por todo lado.

Que os alunos tem de melhorar seus hábitos, que muitos jogam o lixo no chão, não há dúvidas. Mas quando todas as lixeiras estão lotadas, o vento passa a levar. É verdade, a saída é levar o lixo consigo, colocar em lixeiras públicas, ou juntar o que produziu ao lixo de casa. Já ficaria bem melhor.

Mas isso não muda os fatos, o lixo não é recolhido, a água não é tratada, o mau cheiro dos banheiros é emitido a uma distância inacreditável.

O Iserj parece um estranho mausoleu, abandonado pelo descaso das autoridades.

As coisas pioram com o calor intenso, que deixou nossas últimas aulas bem difíceis. Nas salas de aula, equipadas com ventiladores, muitos não funcionam. Já salas maiores, como a 300, equipadas com ar condicionado e destinadas a seminários, palestra e apresentações de TCC’s, tornaram-se enviaveis pois já faz tempo que a refrigeração nao funciona. A cada chuva, a biblioteca é inundada pelos buracos no teto e perdem-se mais e mais títulos.

Estou me despedindo do ano de 2016 com vergonha de tudo isso. seria confortante se fosse vergonha alheia. Mas como alhear-me do local onde convivo quase diariamente, o ano todo? Tenho a tranquilidade de dizer que meu lixo eu levo embora, além de alguns não meus; Que o Iserj já recebeu minhas mãos pegando em vassouras, que além disso separei donativos, protestei e protesto, ao vivo e nas redes contra a precarização que nos assola. Mas não é o suficiente para não me envergonhar da condição de minha faculdade. Afinal, alguém tem que ter vergonha, já que nossos governantes e nossa justiça parece não saber o que é isso – anteontem, anunciaram que vão contratar garçons para os magistrados e seguem esbanjando em carros e viagens.

Arnaldo V. Carvalho, estudante de pedagogia do Iserj, terapeuta, pai, cidadão fluminense.

Anúncios

Sobre Arnaldo

Arnaldo, pai, terapeuta, ser humano. Visite meu site e saiba mais sobre mim!
Esse post foi publicado em Desafios da Graduação, Iserj e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s